Tirando suas dúvidas – Cirurgia de catarata

Moderna cirurgia da catarata pela facoemulsificação

A catarata é a principal causa da cegueira. Não tem como ser evitada. Mas pode ser curada. E a cirurgia é extremamente avançada. O paciente  sai do hospital enxergando praticamente tudo. Satisfação maior do que essa não existe. Mas afinal, o que você sabe sobre a cirurgia de catarata? E o que sabe sobre a lente intraocular que substitui o cristalino, que é a nossa lente natural, por causa da catarata? Aqui respondemos algumas dessas perguntas. Procure tratamento no Hospital de Olhos do Paraná e veja se você  também já é candidato à cirurgia.

O olho todo é retirado na cirurgia de catarata?
De forma alguma. O olho permanece intacto, em sua posição normal. Isso é possível porque um instrumento cirúrgico extremamente delicado mantém o olho aberto. Assim, evita que o piscar interfira no trabalho do .
É usado laser para remover uma catarata?
A técnica mais utilizada no mundo para remoção da catarata é o ultra-som. Os lasers são usados em Oftalmologia em cirurgias de glaucoma, retina e para correção de miopia.
Como o remove a catarata?
A cirurgia moderna para a retirada total da catarata é chamada de facoemulsificação e a sua invenção revolucionou a Oftalmologia. A cirurgia é feita sob anestesia tópica. Não é necessário anestesia geral. Através de uma incisão muito pequena, inferior a três milímetros, é inserido um aparelho que irá “quebrar” a catarata em vários pequenos pedaços e aspirá-la, como se fosse um aspirador de pó.
O que é feito após a retirada da catarata?
Imediatamente após a retirada, uma lente intraocular (LIO) é inserida através da mesma abertura da córnea. Essa lente entra toda dobrada e somente dentro do olho é que irá será desdobrada, adquirindo exatamente a sua posição correta.
O tempo de recuperação após a cirurgia é demorado?
O pós operatório da cirurgia de catarata é bem tranquilo. Não fica internado, não precisa fazer dieta especial, não precisa evitar ler ou assistir jornal. Só terá que usar colórios prescritos de forma correta e evitar coçar os olhos.
Quanto tempo demora para a vista melhorar?
O paciente já sai do hospital enxergando muito melhor. As cores são mais nítidas, mais claras. Já é possível ler aquelas letras pequenas que só antes só ficavam visíveis com o uso dos óculos.
A catarata precisa estar “madura” para ser operada?
Não. Com as técnicas modernas mesmo catarata nos estágios iniciais pode ser removida e substituída pela lente intraocular, para que não interfira mesmo nas atividades mais simples de uma pessoa. É que pelos métodos antigos, a catarata era retirada através de um corte grande no olho, e em um único pedaço. Para que isso ocorre com sucesso era preciso que o centro da catarata estivesse bem duro. Ou seja, que ela estivesse “madura”. Hoje o pensamento é diferente.
Por que a moderna cirurgia utiliza a lente intraocular?
A lente intraocular irá substituir a nossa lente natural do olho que, com a idade, ficou opaca. Sem ela, seríamos obrigados a usar óculos bem grossos para enxergarmos razoavelmente.
Essa lente pode ser rejeitada pelo olho?
Não. As lentes intraoculares são fabricadas em material inerte, que não sofre rejeição por parte do olho.
Existem diferentes tipos de lente intraocular?
Sim. Porém, a mais usada no mundo é a Acrysof Restor. O Hospital de Olhos do Paraná trouxe essa tecnologia com pioneirismo para o estado.
No que essa lente difere das demais?
A lente Acrysof, por ser produzida em material acrílico, pode ser colocada dentro do olho por uma incisão inferior a 2,7 milímetros, sem provocar desconforto ao paciente, sem necessidade de pontos.
Existe uma lente que permita ver de longe e de perto sem o uso dos óculos após a cirurgia da catarata?
Sim. A Acrysof também fabrica lentes multifocais que corrigem a visão para longe e para perto.
O Hospital de Olhos do Paraná conta com uma unidade de orientação e tratamento da Catarata na qual são dados esclarecimentos completos sobre a doença e sobre as suas opções de tratamento.
Esta entrada foi publicada em Cirurgia de catarata, Facoemulsificação, Tratamento de catarata e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos

10 respostas a Tirando suas dúvidas – Cirurgia de catarata

  1. natalia disse:

    oi boa noite a todos!minha vò fez a cirurgia da catarata hoje mas ela disse que esta vendo tudo imbaçado isso e normal ou afetou alguma area do olho?por favor responda e muito importante estamos todos preocupados..obrigado

  2. josé de Fátima P.de Souza disse:

    Oi Dr. queria saber se é normal o que aconteceu comigo eu usava um oculos de 3.75 gral pra perto usei mais de 15 anos e agora voltei a encherga bem não presisei mais osar oculos pra perto, mais fiquei com a vista embarsada pra longe mi reponda por favor obrigado.

    Prezado José, sugerimos uma consulta ao oftalmologista. É necessário passar por exames apropriados para verificar a necessidade da troca de óculos ou correção de algum outro problema. Obrigado, por considerar o Hospital de Olhos do Paraná.

  3. Fernanda Maia disse:

    Bom dia,
    Tenho 47 anos e fui operada de catarata subcapsular posterior (cortisônica) na última 3ª feira – 30 de abril, colocando a LIO Acrysof IQ. Antes, via uma névoa no meio do olho, depois da cirurgia, a névoa desapareceu, vejo razoavelmente bem de perto, mas a visão para longe está bastante desfocada. Vale ressaltar que nunca tive miopia ou outro problema para longe. Vejo, ainda, uma sombra na lateral externa do olho operado que, na revisão do dia posterior à cirurgia o oftalmologista disse ser edema da córnea e que desapareceria em 3 dias. Falou também que estava excelente. Passados os 3 dias, não senti melhora e venho perguntar o que ele quis dizer com “excelente” e se todos esses sintomas podem ser normais no pós-operatório.
    Obrigada,
    Fernanda

  4. Barbara disse:

    fiz operação da catarata com um profissional conceituado em 28/01 em SP MAS no dia seguinte vi no canto final do olho uma barreira. Falei com o cirurgião e ele me informou que é asim mesmo é a sombra da lente e que isso vai desaparecer para que eu não fique prestando atenção nisso. Esta semana fará 2 meses e ainda vejo esta barreira no canto do olho assim como dependendo da luz vejo brilho dourado reflexos (da iris eu acho) Dependendo de como olho vejo esta parede no final, se olho para os lados externo ou interno do olho não vejo a parede, somente de frente e depende. Isso é normal mesmo? Que coisa desagradavel.

    Olá Barbara,
    a recomendação é voltar a consultar seu oftalmologista e esclarecer suas dúvidas definitivamente.
    Atenciosamente
    Assessoria de Imprensa

  5. Edison Boaventura Jr disse:

    Gostaria de saber se uma pessoa que tem a retina descolada pode operar de catarata? Tem alguma contra-indicação?

    Olá Edison,
    Entre em contato pelo telefone (41) 3222-4222 e esclareça suas dúvidas.
    Gratos por considerar o Hospital de Olhos do Paraná.
    Atenciosamente
    Assessoria de Imprensa

  6. Anelise Oliveira disse:

    Olá, por gentileza preciso de uma opinião DR.
    Minha mãe tem 50 anos, fez cirurgia de catarata tem 10 dias, e a cada dia que passa ela está mais indisposta, sentindo muitos enjoos, e com muita sensibilidade a luz, na revisão feita com o médico, ele nos disse que isso não é da cirurgia, que ela deveria procurar um clínico geral. Porém, ela estava muito bem de saúde antes da cirurgia, e após passou a não sentir-se bem, o que o Dr poderia me dizer a respeito disso???

    Olá Anelise, normalmente a cirurgia da catarata não causa indisposição. O especialista deve ter feito os exames necessários e não deve ter diagnosticado nada de errado com a cirurgia, por isso deve ter indicado a consulta com um clínico geral. Vale a pena consultar para ter mais tranquilidade. Caso os sintomas não melhorem volte a consultar o oftalmologista.
    Gratos por considerar o Hospital de Olhos do Paraná
    Atenciosamente
    Assessoria de Imprensa

  7. Judite disse:

    Olá Dr. tenho as mesmas sintomas as da BARBARA, queria uma resposta no minimo esclarecedora sff : é normal ou não estas sintomas?

    Olá Judite, como dizem “cada caso é um caso”. É impossível um diagnóstico preciso sem passar por exames detalhados a fim de esclarecer os sintomas. Ligue para o telefone (41) 3222-4222 e peça para conversar com um especialista em cirurgia da catarata. Gratos por considerar o Hospital de Olhos do Paraná
    Atenciosamente
    Ass. de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

* Qual o resultado de: 4 + 3?